Páginas

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Sinopse 2 - que semana rubro-negra é essa?

Tive a obrigação de atualizar o blog devido os fatos argumentados e vistos durante a semana. A razão: Bonde do Mengão sem freio ♪ tá deixando a torcida arco-íris no mimimi, no chororô; resumindo, o pânico, o desespero e o medo toma conta dos times de torcida mal vestida da camisa feiona. Tudo começa na vitória do Mengão no dia 13/02 diante do Resende (1x0 - gol de Deivid); onde fica caracterizado as semi-finais da Taça Guanabara (Flamengo x Botafogo e Fluminense x Boa Vista). Até ai tudo na normalidade. Um time grande, dois medianos e um pequeno; o que acontece sempre.

Chega na quarta-feira, e o Mengão inicia sua caminhada na Copa do Brasil rumo ao tricampeonato e a vaga na Libertadores 2012. Apesar de não jogar tudo que sabe, o Flamengo ganha o Murici por 3x0 liquidando o jogo de volta no Rio de Janeiro. Destaques para os gols de R10, Renato Abreu e Negueba. Sem esquecer, a festa da Nação. Com isso, Flamengo apenas espera a partida da semi-final domingo.

No sábado, de camarote, o Mengão vê o que eu caracterizei no começo do post; Jogo entre um time mediano x time pequeno na 1ª semi-final da Taça Guanabara. Resultado: time mediano vence. Boa Vista derrota o Fluminense nos penaltis e chega a decisão do primeiro turno.

Domingo o confronto. Seria destino, vingança ou revanche? Ao acontecido ano passado, fato raro, em que chorões ganharam o Carioca e comemoraram como se tivessem ganho o Mundial , porque é a única coisa em que podem conseguir conquistar. Mas 2010 passou, e a lógica voltou. Empate no tempo normal, em que Angelim fez o gol lembrando do hexacampeonato de 2009, e chorões fazendo o gol com Loco Abreu. Chega a hora das penalidades e a Muralha Rubro-negra faz o que é preciso. Felipe defende dois penaltis e deixa Cajá com medo, o que posteriormente desperdiça sua cobrança. Léo Moura, Renato Abreu e Fernando marcam, finalizando as penalidades. Flamengo vence 1(3) x 1(1) os chorões e garante vaga na final da Taça Guanabara; a Nação comemora e a torcida rival chora... e ninguém cala esse chororô...

E não contentando com o choro, na segunda-feira, a "respeitada" entidade CBF, reconheceu o título do Flamengo de 87. Nada mais que sua obrigação. Com isso, o Flamengo é oficialmente Hexacampeão, o que não faz diferença ao que se diz respeito a Nação. Sim, somos Hexa desde o dia 09/12/2009 quando Angelim no palco do futebol mundial fez o gol decretando assim o Hexacampeonato Rubro-negro. Como o choro é livre, vimos a inveja dos rivais que se dizem grandes mais com atitudes de times pequenos.

Aos tricobambis do morumbi, contra fatos não há argumentos. O Flamengo é o primeiro pentacampeão desde 1992. Portanto, como vocês querem tanto a Taça das Bolinhas, o que já deve estar faltando na Taça, é hora de esterilizá-la, desinfectá-la e devolvê-la ao dono de direito; Flamengo. E, não tem desculpas e nem choro. A justiça tarda, mais não falha.

Já aos genéricos de série B, o título de 87 de vocês é da partida que não terminou com o empate nos penaltis em 11x11 contra o Guarani. Afinal, nem jogo foi legal, o que se é mostrado pela história do futebol brasileiro. Vai me processar? Antes tinham a CBF. O que não tirou de vocês o título de 87; título da série B do campeonato brasileiro. Processará então, mais de 35 milhões de pessoas; pra finalizar, tentem chegar primeiro a séria A e depois o CRF ensia a vocês como ser Hexacampeão.

Concluindo, a CBF tinha a obrigação de reconhecer o título de 87. Mas nada muda, pois o Flamengo ganhou seis títulos. E ganhar, quer dizer que, o Flamengo conquistou jogando bola dentro de campo. Honrando o Manto Sagrado e mostrando o que sempre é caracterizado. Garra, raça, determinação, amor e paixão, não se compra... se conquista. Flamengo é Hexacampeão na raça e a história está ai pra mostar que contra a verdade não há mentira.

Parabéns a Patricia Amorim e aos dirigentes pela conquista; comemoramos o título duas vezes. Somos Hexa e futuramente seremos Hepta. E claro, pra deixar o choro mais distinto, vamos ensinar os vices e os flores como ganhar do Boa Vista. Rumo ao título da Taça Guanabara domingo, e a final do Carioca 2011.

Bonde do MENGÃO sem freio ♪ ♫ ♪ ♫ SRN

Kássio Vióti - orgulho de ser Rubro-negro
@kassiovioti

2 comentários:

silvia disse...

É O BONDE DO MENGÃO SEM FREIO! Esse ano é tudo nosso! Domingo é partir pra cima deles, sem dó nem piedade. VAMOOOOOS FLAMEEEEENGO, VAMOOOOOS SER CAMPEÕES! #SRN

Sasha Polley disse...

Gostei do texto, CBF não fez nada demais só reconheceu o que o Brasil já sabia!

"Jogar com garra e vontade, Rubro Negro é assim!
Até que a morte nos separe,
Esse
amor eu vou sentir!"